Cortando, desenhando e pintando!

21 de maio de 2013 6 comentários
Os pequenos adoram essas atividades e o Davi ainda mais, já que me vê muito cortando, colando e desenhando os artigos de festa. Logo ele começou a me pedir a tesoura e lápis para desenhar, inclusive cola.

Eu prontamente comprei lápis de cor e tesoura assim que ele me pediu, mas nunca havia pensado em mais segurança. Deixe-me explicar, eu sempre vi os mesmos lápis, gizes de cera e tesourinhas para criança e foi atrás desses produtos que eu fui. Mas assim que o Davi começou a brincar, notamos um certo risco neles.

Meu pai vivia quase morrendo do coração ( ele é exagerado) quando o Davi resolvia sair correndo com um lápis na mão, por que pra ele não basta desenhar, ele tem que desenhar, pular e dançar junto com os desenhos animados. Então comprei giz de cera, mas o tradicionais eram finos e logo se partiam fazendo farpas como na foto abaixo, então vi que também era um risco. A tesourinha dele era essas de ponta redonda mas sem a proteção na parte metálica, um dia ele caiu com ela na mão e fez um belo vergão no pescoço, isso apenas descendo do sofá. 

Giz de Cera tradicional.

Foi aí que comecei achar que o Davi devia ser levado demais pra idade dele e minha família muito preocupada, por que se não havia nada diferente no mercado e todas as crianças brincavam assim, o meu filho é que devia ser o errado, ou nós estávamos exagerando. Mas um dia enquanto eu comprava material para trabalhar esbarrei em um outro tipo de giz de cera, chamado meu primeiro giz, muito mais resistente que o tradicional e comprei pro Davi. Nesse dia percebi que as empresas do mercado estavam começando a se preocupar com as crianças menores e que havia sim opções no mercado que fossem mais seguras e fui atrás delas.

Hoje ele usa esse giz mais grosso e resistente, lápis de cor menores, mais grossos e que não quebram e uma tesoura muito interessante toda de plastico, inclusive as lâminas, ele também tem uma tesoura toda de plástico apenas com as lâminas em metal, mas muito segura. Ele também adora colar os papeis então compramos cola bastão atóxica, assim faz menos sujeira e corremos menos risco dele ingerir.

Percebemos que por mais simples que seja a brincadeira ela pode oferecer sérios riscos, e não é coisa de gente exagerada, mas podemos buscar opções mais seguras para que nossos filhos não tenham que escolher entre segurança e diversão, podemos fazer as duas coisas.

Olhem só os "ajudantes" do Davi na diversão:

Eco Giz - Mas é usado como lápis de cor, é bem grossinho e não quebra.

Meu primeiro Giz, dá pra ver ele é resistente não é. Bem diferente dos da primeira foto.

Tesoura de Plástico

Tesoura de Plástico.


E por falar em colorir, cortar e colar, há um tempo atrás eu fiz um livro de colorir para as mamães baixarem na Fan Page do MR, segue novamente o link para que nossos pequenos se divirtam com muitas cores e segurança!

Baixe AQUI

Bom meninas é isso, a intenção do post de hoje é mostrar que se você não acha que algo é seguro para seu filho busque opções antes de proibir que ele faça. E também indicar essas opções para as mamães que ainda não conheciam e quase morrem do coração quando os filhos saem por aí com os lápis tradicionais ou gizes finos. Até a próxima!



6 comentários:

  • Divagações da Mamãe Tê disse...

    Jackie, bom dia!
    Não foi uma vez só, mas já te falei outras vezes que somos muito parecidas nos cuidados com nossos filhos.

    Tudo é exagerado (devem pensar muitos pais) até acontecer alguma coisa com a criança.

    Aqui em casa somos chatos mesmo com a segurança da Maria. Sempre fomos. Meu marido é mais ainda. E isso me ajuda muito nos cuidados com a pequena.

    Seja da cozinha até o carro com uma cadeirinha, não descuidamos.
    Por ex. a cadeirinha sempre carregamos. Até mesmo em viagens de onibus levavamos o bebê conforto para Maria. Nunca a levei no colo com risco de acidente. Se nós dois estávamos protegidos com cinto, pq ela não iria ficar.

    E foi assim até comprarmos um carro. Ficamos quase 7 anos andando com a cadeira pra cima e pra baixo nos taxis.

    Na cozinha sempre tivemos o cuidado de colocar agua quente e outras coisas na trempe dos fundos.

    Minha mãe tb sempre se preocupou com questão dos lápis andando com eles. E ela está certa.

    Eles podem furar uma garganta, machucar um olho.

    Por acaso criança tem noção de perigo? Não tem não. Nós é que temos que ter pra eles.

    Maria ganhou da avó esses lápis de cera que parecem lapis de cor. Achei o máximo. Além de segurança não quebram e ficam ruim de usar...

    A tesoura toda de plástico não conhecia. Muito bom..

    Muito boa sua observação e seu alerta.

    Temos mesmo que sermos exagerados, pois depois quem se machuca e passa aperto na gente, são nossos filhos, por termos dado uma liberdade que eles não podiam usar dela ainda.

    E os outros? Esses não vão cuidar a hora que estiverem no hospital, nem sentirão nossa dor.

    Beijos.

  • Quézia Silva disse...

    Ótimo post, o Kemuel usa este giz de cera e o lápis também, a tesoura não é dessas, mas fico cuidando quando ele está utilizando ela.

    Vou baixar o livro, obrigada.

    Beijos

    Quézia Silva
    http://kemuelpresentededeus.blogspot.com.br/

  • Genis Borges disse...

    Oi querida, como diz a minha mãe "Com criança é só piscar, pra acontecer alguma coisa..." e todo cuidado é realmente pouco com elas.
    Ótima dica sobre os gizes, realmente há os mais resistentes, usados na Ed Infantil e sobre a tesourinha, achei genial.
    Bjus, Genis

Postar um comentário

Quando você comenta, também participa do Mamães em Rede! Comente, participe, pergunte. Obrigada!

 

©Copyright 2012 - Todos os Direitos Reservados - Mamães em Rede | Design By Arte Design