Da teoria para a prática: AMAMENTAÇÃO!

19 de abril de 2013 37 comentários
Minha recuperação pós parto foi excelente. Meu parto foi cesária e tudo ocorreu dentro do previsto, mas uma coisa que eu não esperava que fosse doer tanto era a amamentação.

Pois é...

Depois de ter lido tanto sobre o assunto e até ter feito dois cursos sobre amamentação, entrando para a prática, percebi que não era uma coisa tão simples assim.

O começo foi muito dolorido, chorei muito, mas sempre tinha em mente em não desistir e aguentar até o final. Minha mãe não amamentou nenhum dos 6 filhos e isso me dava forças ainda mais para continuar e ela foi uma grande incentivadora.

Eu acho que nunca orei tanto na minha vida. Quando o José Marcos acordava eu já começa a orar pedindo a Deus forças pra conseguir amamentar o meu pequenino...

Os 10 primeiros dias foram crueis, mas também de muita alegria por conseguir amamentar e ver meu filho crescendo e engordando graças ao meu leite.

Todos os dias eu pensava: Não vou desistir!! Cada dia que terminava pra mim era comemorado como mais um dia vencido.

A pediatra do José Marcos tem uma enfermeira que orienta as mamães, ensinando tudo sobre amamentação e isso foi muito importante também, pois durante as orientações eu e outras mamães tirávamos muitas dúvidas e compartilhávamos nossas experiências, medos e frustrações.

Meus peitos aos pouquinhos foram 'enchendo' de leite e isso era comemorado com muita festa! No começo eu tinha pouquíssimo leite, mas minha pediatra sempre dizia que não era necessário complemento, pois cada mãe produz o leite ideal para seu filho e eu fui seguindo suas orientações e JM não experimentou leite de vaca.

Haviam dias que meus peitos enchiam tanto que era necessário tirar com a bombinha e meu marido ajudava nessa tarefa que também foi bastante dolorida, pois meus peitos empedravam.

Uma coisa muito importante que aprendi e deixo aqui como dica é que pra amenizar a dor não é preciso comprar pomada nenhuma, o melhor remédio é o próprio leite materno que deve ser espalhado em todo mamilo e aréola, depois deixar o seio livre e, se possível, um banho de sol. Eu segui direitinho essas dicas e consegui realizar o meu sonho de amamentar. Valeu a pena todo o esforço!

JM mamou no peito até os 2 anos e 9 meses. Parou, porque o leite da mamãe aqui secou totalmente nessa época.

Agradeço muito a minha mãe e o meu marido pelo incentivo, carinho e paciência.

Primeira mamada logo após o parto.

Quando meu peito empedrava, tirávamos o leite com a bombinha e dávamos para JM na chuquinha.

JM mamou exclusivamente no peito até os 5 meses e quando acabou a licença maternidade, continuou com o leite materno até 2 anos e 9 meses.

E você amamentou? Conte pra mim a sua experiência com a amamentação.

Um super beijo!


37 comentários:

  • Liene Oliveira disse...

    Geni sofri muito nos primeiros dia para aumentar Serginho, mas continuei, depois da primeira semana o seio ja não doía mais. Amamentei até os dois anos. E amamentar para mim é um gestor de amor, que mistura dor, coragem e força de vontade.

    www.cantinhodali.com

  • Jackeline Graça disse...

    Oi amiga, eu no começo não tive leite por 3 dias, até então meus bicos já estavam rachados de tanto o Davi sugar e não sair nada. Cada vez que ele chorava pra mamar eu respirava fundo pra não chorar de dor. Ele mamou só até 3 meses e meio, pois como ele mamava a cada 1hr mais ou menos o pediatra pediu que eu desse um pouco de NAN no fim de cada mamada para atrasar a digestão e no fim, pelo Davi ser hiper agitado ele preferiu a mamadeira ao peito, já que a mamadeira possibilitava que ele olhasse em volta enquanto mamava. Toda vez que colocava ele no peito de volta ele ficava todo vermelho de bravo e chorava, eu tinha tanto leite que espirrava e mesmo assim ele não queria.

    Bjjusssssssssssssssss

  • Quézia Silva disse...

    Olá Genis,

    Ótimo assunto, meu sonho sempre foi amamentar e graças a Deus realizei este sonho, logo após a cirurgia, ainda estava na sala de recuperação, meu leite já desceu e pude amamentar o Kemuel. Graças a Deus minha experiência foi completamente sem dor, não empedrou nem rachou, meu médico me orientou para que nos 5 primeiros dias esvaziasse a mama sem pena de jogar leite fora, ele dizia que o Kemuel não ia conseguir tomar todo aquele leite, e tirar o leite nunca apertando o bico do seio, ele me ensinou também a fazer todo dia compressa de chá de camomila e colocar no bico do seio, foi perfeito. Faz apenas um mês que parei de amamentar, parei porque achava que estava na hora, pois estou planejando outro filho e quero que tenha um bom tempo entre este desmame e a amamentação do outro filho, para que Kemuel não se sinta trocado, em mamãe tirar dele e dar para o bebê.
    Bem, esta foi minha experiência, espero que ajude alguém também.

    Beijos

    Quézia Silva
    http://kemuelpresentededeus.blogspot.com.br/

  • Renata Diniz disse...

    Genis. Tive as minhas adversidades também na amamentação da Laura. E a dica de passar o próprio leite materno no peito é ótima, funciona mesmo. Gracinha do JM nenenzinho, adorei! Beijo!

  • Divagações da Mamãe Tê disse...

    Genis..tb fui até tarde com Maria... 2 anos e 2 meses... Mas a partir de dois anos foi só conforto para a pequena.. e tive que "forçar" a barra para ela parar.. Havia entrado na escola e eu estava precisando ficar um pouco tranquila...

    Foi tranquilo, sem traumas... Mamou demais..

    Me lembro, como você, que meus seios empedravam tb..e doiam..e Cris fazia massagens para soltar as pedras.. e dava certo...
    Me lembro tb uma vez quando meu peito rachou. Doeu demais.. e como vc, havia lido que deveriamos insistir mesmo ferido.. passar o próprio leite materno....
    Também deu certo... e a bezerrinha mamou demais...

    Sinto saudades da amamentação..de ver aqueles olhinhos olhando pra mim tão fixos... linda de viver...

    E parabéns pra sua pediatra que disse que não precisava complemento... Geralmente elas pedem...

    Amei o post... Lindo..lindas fotos.. grande lembrança...

    Beijos beijos beijos

  • Carol Meoli disse...

    Bom, eu sempre sonhei em amamentar até quando meus filhos estivessem grandinhos.
    Eu mamei até os 2 anos e 2 meses. Então imaginava eu que conseguiria fazer o mesmo.
    Tive a Babi por parto cesárea, meu leite demorou pra "descer", e não tinha bico formado. Então, na maternidade ela teve que tomar leite industrializado na seringa, feito uma gatinha.
    e eu sofri muito por esse motivo, de não ser capaz de amamentar minha cria.
    Tomei um remédio para descer o leite logo. No primeiro dia em casa o leite desceu, e assim pude amamentar, ou quase...
    Sofri muito pois o leite não estava vindo tanto quanto eu imaginava, e a Babi emagreceu muito... Quando a pediatra disse: Mãe sua filha tá com fome!!!
    Quase morri de imaginar que minha filha estava passando fome e por isso só dormia.

    Enfim...
    Amamentar não é tarefa fácil, mas é lindo demais!!!
    Mesmo assim, consegui amamenta-la até os 6 meses... Entre mamadas e mamadeiras!!!

    Beijos

  • Cristiane Lima disse...

    Nossa amiga... q perrengue, mas graças a Deus vcs superaram e ainda deu de mamar até 2 aninhos e 9 meses, bom, por aqui estou amamentando também - uma delícia!
    Não passei momentos tão doloridos como seu, mas foi um aprendizado em tanto, bjss

  • Jamilly Mãe do Lucas Davi disse...

    Amiga tentei muito, chorei muito e senti muita dor, mas Lucas não tinha paciencia, ficava nervoso e chorava muito. Aos 4 meses já nascia dois dentinhos d uma so vez, ele mordia e puxava... já não tinha muito leite e com 4 meses e meio um dia não saiu mais nada.

  • Larissa Andrade disse...

    Oi Genis,
    Pra mim, a amamentação não foi como eu sempre desejei com minha filha, ainda mais que ela foi prematura. No início, eu retirava leite e até tinha um pouco, mas com o decorrer do tempo ele foi diminuindo e entrei com o complemento. Isto foi muito difícil pra mim, mas pra me confortar eu mesma comecei a pensar que, por mais que eu não a amamentasse diretamente no peito, mas sim na mamadeira, o que era importante era a qualidade daquele momento, o ambiente, os horários e o principal com muito amor e sei que mesmo que não fosse o leite materno, estava sim, sendo fortalecido o vínculo entre nós duas.
    Quem sabe na próxima gravidez, eu consiga amamentar como sempre quis!
    Beijos,
    Larissa Andrade.

    http://www.maternidadeecotidiano.blogspot.com.br/

  • Roteirinho Alternativo disse...

    Nossa, para mim foi incrível tb. Só que foi diferente do seu. Lara desde o começo pegou muito bem e não tive problemas com dor e empedramento. O problema começou aos 5 meses. Mesmo sem dar nada além do leite, Lara ficou super distraída e não queria mamar. Mamava muito pouco e começou a não ganahr tanto peso quanto estava ganhando antes. INsisti até os 8 meses. Depois disso foi impossível. Mas foi bom enquanto durou.
    COmo estou grávida novamente, espero poder amamentar bastante.
    bjos

  • Mamães em Rede disse...

    Oi amiga, muitas pessoas criticaram minha pediatra na época, pois JM nasceu abaixo do peso, mas ela foi firme em afirmar que meu leite era o suficiente. De repente, o moleque tava fortão e um fofo!!!
    Eu tb sinto saudades desse tempo sabe....mas vou providenciar logo outro bebê!! Vamos juntas nessa?? rsrs
    Bjus, Genis

  • Mamães em Rede disse...

    Amiga, uma vez li uma frase que dizia "Quem ama alimenta" e isso me chamou muito a atenção, pois embora tenha tido uma amamentação prolongada, sei que muitas mães não tiveram e eu respeito isso sabe...
    Amamentar é lindo demais!
    Bjus, Genis

  • Mamães em Rede disse...

    Oi Larissa, é verdade, tem momentos que são inesquecíveis, pois somos nós que fazemos eles se tornarem especiais e tenho certeza que vc fez o seu melhor.
    Grande beijo, Genis

  • Mamães em Rede disse...

    Eu e minha mãe fazíamos malabarismo pra amamentar JM no início, mas valeu a pena.
    Já ouvi falar de crianças que se distraem na hora da amamentação, é importante ficar de olho mesmo.
    Grande beijo, Genis

  • mundodepalavras disse...

    Oi Genis! Eu tive experiências distintas com a amamentação. Na primeira gestação quase não tive leite e tive que dar complemento. Na segunda, eu lutei com todas as minhas forças pra amamentar e consegui! Meu filho acaba de completar 6 meses só no peito! Estou radiante e hoje, mesmo com as dificuldades, sinto o maior orgulho de estar amamentando meu filho. Não há sentimento mais prazeroso nesse mundo! bjs Camila Vaz

  • Cintya disse...

    Genis, também tive uma história de muita dificuldade na amamentação, no começo. Procurei ajuda, recebi muito incentivo da minha mãe e consegui amamentar exclusivo até quase 6 meses, quando minha filha teve que entrar na creche e consequentemente teve que começar a comer sólidos. Hoje ela tem 1 ano e 6 meses e ainda mama e sou muito orgulhosa de mim mesma por ter conseguido, por não ter desistido e partido para o LA, por ter esse vínculo maravilhoso com minha filha até hoje. Não foi fácil, mas logo descobri que amamentar é um momento de muito prazer.
    Bjos

  • Gleysa Lopes disse...

    Amiga, não tive nenhum problema com amamentação, Heitor mamou exclusivo no peito ate 6 meses e mama ate hj! Nem sei como sera para tirar ele!! Tenho muito leite, ate hj vaza kkkkk

    Bjs
    Gleysa
    www.demamaeursa.com

  • Mamães em Rede disse...

    Oi Camila, interessante saber que as experiências podem ser diferentes entre os filhos. Tomara que quando tiver meu segundo filho, seja tudo mais tranquilo, né? E se não for, "força na peruca" de novo!!!!
    Bjus, Genis

  • Andreia Cristina disse...

    Amiga,

    Eu sofri com a recuperação do parto que também foi cesárea. Já com a amamentação não tive problema algum. Tive muito leite mas acabou quando o Pititico fez 7 meses. A experiência foi maravilhosa.

    Beijo!

  • Vivi * Isaac disse...

    Amiga amei o post. Amamentei o Isaac até 1 ano e 1 mês, se pudesse tinha amamentado mais... Mais precisei que ele largasse para poder tomar remedios para a coluna, tinha muitas dores e o paracetamol não adiantava mais... Mais meus 1º dias foram de choro, ele fez a pega errada e começou a machucar, mais como vc orava muito para conseguir continuar... Foram noites de febre e dor, mais valeu a pena, não me arrependo... Bjs
    Vivi e Isaac

  • Laura disse...

    A "Casa Rosa"(Banco de Leite do Guilherme Alvaro, em Santos) foi minha salvação na amamentação, sofri muito, meu bicos racharam, sangraram, mas lá, em apenas um dia, fui orientada em como amamentar corretamente; a enfermeira ficava ao meu lado e perguntava: "Esta doendo ???!" e quando eu dizia que sim ela prontamente me orientava a tirar o Vini do peito e me ajudava a colocar o peito corretamente na boca dele. Alias nem sabia que tinha esse lance de colocar o peito "de maneira correta", achava que era só enfiar o bico do seio na boca da criança e pronto, mas não, a mãe tem que saber amamentar e o bebê também tem que saber mamar(como assim ?!?!). O meu filhote sabia mamar, eu é quem era o problema, rsrsrsr.
    Amamento até hoje, Vini esta com 15 meses, é um vinculo que não quero perder até 2 aninhos(ou mais...) com minha cria,rsr.

  • Anne Lieri disse...

    Oi Genis!Lindas as fotos de vc amamentando.Eu amamentei já faz muitos anos...rss...mas lembro que doeu no começo,sim!Mas temos que insistir porque depois vale a pena!Minha filha tem 18 anos e conto nos dedos as vezes que ficou doente.bjs,

  • Bordados da Lu disse...

    Meu primeiro filho eu não consegui amamentar, embora tivesse muito leite, meu filho não pegava direito e o próprio pediatra mandou tirar, eu ainda bem nova, primeiro filho...acabei fazendo isso, mas sempre tive o sonho de amamentar,meu filho está agora com 21 anos...
    quando tive o Rodrigo, que hoje está com 9 anos ,falei que amamentaria de qualquer jeito, leite sempre tive muito,mas nunca tive bico...então foi muito sofrimento, fazia tudo que mandavam,tomava sol,colocava casca de mamão,passava pomadas...mas que sofrimento..ia dando o horário dele mamar eu já começava a chorar..rs...eu ia aos lugares via as mães amamentando e me batia uma tristeza, pois eu achava que era um momento tão feliz, e pra mim não estava sendo.mas não desisti sofri por quase 1 mês, seio sangrou muito, o pediatra que assistiu meu parto, queria que eu desse logo mamadeira, mas eu falei que não faria isso...depois de 1 mês que fui saber a maravilha que é amamentar...e o meu pequeno mamou até 1 dia antes de completar 2 anos...e largou o peito sozinho, e logo depois meu leite secou...mas essa é uma das melhores experiências na vida da mãe...

    adorei o blog, já estou seguindo e aproveito pra convidar vcs a conhecerem o meu cantinho,ficarei muito feliz com a visita..bjs

    http://lojinhadallu.blogspot.com.br

  • Divagações da Mamãe Tê disse...

    Seria um presentão de Deus... deixo com Ele..rs
    Eu acho que se tivéssemos pediatras como a sua, muitas coisas seriam diferentes... Tem muita gente bronca que não quer entender as verdades..

    Beijos amiga... que venha seu baby!!!

  • Mamães em Rede disse...

    Olá querida, engraçado como tem pediatras que recomendam o uso da mamadeira logo cedo, né?
    Eu tive o privilégio de ter uma pediatara que apoia 100% o aleitamento materno.
    Grande abraço e obg pelo comentário.
    Já estou indo no seu blog.
    Genis

Postar um comentário

Quando você comenta, também participa do Mamães em Rede! Comente, participe, pergunte. Obrigada!

 

©Copyright 2012 - Todos os Direitos Reservados - Mamães em Rede | Design By Arte Design