Escola + família

5 de novembro de 2013 9 comentários


Mamães, hoje trouxe um assunto um pouco polêmico, mas que eu acho necessário conversarmos para que o relacionamento escola e família se torne cada vez melhor!

Tenho percebido que tudo o que a criança tem feito que foge um pouco do normal, a família sempre fala: "Aprendeu na escola!". Comportamentos normais de crianças que se encontram em um período de construção da sua personalidade são vistos como diferentes e são colocados como se as crianças tivessem aprendido na escola!


Vou dar um exemplo: Seu filho chega em casa cantando uma dessas músicas do tipo "Prepara", pronto, ele aprendeu na escola, você já vai lá reclamar com a professora como se ela estivesse ensinando a tal música para as crianças! Ou então, quer saber quem é o amigo que anda cantando essa música pela escola?

Nem se pergunta se ele ouviu na TV ou no carro de som que passou fazendo propaganda na rua, que você nem ouviu, mas, de repente, seu filho sim! A culpa é sempre da escola...

Ou então, a criança está chorando todos os dias ao sair para ir à escola e antes de procurar outras razões, a mãe já vai logo achando que aconteceu alguma coisa na escola. Sim, pode até ter acontecido, mas que tal verificar se não tem outros, como por exemplo, a chegada do irmãozinho, uma discussão em família (as crianças ficam com medo de deixar a mãe sozinha), uma fase de maior dengo e chamego com a mãe (principalmente aquelas que trabalham fora), uma noite mal dormida, um compromisso interessante da mãe (que ela ouviu combinar!), uma mudança, uma viagem, entre outras coisas!

Outro exemplo: A professora chama a mãe para pedir que converse com seu filho, pois ele falou um "palavrão", a mãe fica indignada, diz que isso jamais poderia acontecer, já que em casa, ninguém fala palavrão... Então, ela chama a criança e pergunta: Com quem você está aprendendo a dizer isso? E a criança responde:" Com você!"... e dá detalhes de como foi...

Minha filha mesmo, aos dois anos falou um palavrão e ao perguntar com quem ela aprendeu, ela disse: Foi o moço do mercado!

Sabemos que a criança observa e imita muitos comportamentos, e eu sempre falo que o errado é o mais imitado. Ela vai chegar em casa tentando fazer como o tal amigo e vai se comportar como ele. Ao invés de colocar a culpa na escola, aproveite a oportunidade para explicar que esse comportamento não é legal! Claro que você pode conversar na escola, saber quais os procedimentos a escola está tomando em relação a esse aluno, sem achar que a culpa é da professora e equipe. Você pode ter certeza que todos estão buscando caminhos!

Vivemos em uma sociedade, convivemos com todos os tipos de pessoas e acreditem, as influências estarão em todos os lugares e não só na escola! O importante é a base, é confiar na educação que você dá para o seu filho!

Eu mesma, já tive várias situações em que vi outra criança no corpo da minha filha...rsrsrs e falava: Acho que trouxe a criança errada para casa!

A escola quer estar ao seu lado e não contra! Quando família e escola caminham juntas, encontram soluções e não conflitos! Sejam amigas das suas professoras e confiem nos profissionais da educação!



Ps: Talvez alguém vai até dizer (espero que não!!): "já vi professora falando palavrão, já vi educadoras cantando músicas absurdas e escolas que não se preocupam com seus alunos!" Pode até existir, mas acredito que é uma grande minoria!

                                                                                                                                    Melissa Machado

9 comentários:

  • Leila Nassif disse...

    Quando há integração tudo flui melhor. Conhecer os prof. ir as reuniões, isso é essencial.
    A educação comportamental deve ser aprendida em casa.
    Ótimo post.
    Bjs
    http://soumaedecinco.blogspot.com/

  • Gleysa Lopes disse...

    Realmente as crianças aprendem em todos os lugares, elas são umas verdadeiras esponjas e capturam tudo!

    Porém as escolas publicas deixa a desejar, professores que está lá não são qualificados, tb não os culpo, pq o governo e a sociedade não incentiva o aumento do salário e qualificação dos mesmo, um absurdo professores falando errado!

    Quando vc vê em um concurso alguém que serve café ganha o dobro do professor você vê onde esta o erro, a desvalorização de uma profissão tão importante!

    Beijos

  • melissa disse...

    Obrigada meninas pelos comentários!O professor já é tão desvalorizado e muitas vezes carrega culpas que acabam desestimulando mais ainda esse profissional! Eu como mãe,tento sempre valorizar e agradar a professora da minha filha! Quando tenho alguma reclamação,converso como oarceira e não como inimiga!

  • Genis Borges disse...

    Ui, tocou na ferida! kkkkkkkkk
    Olha realmente tem muitas coisas boas e ruins na escola, mas como vc falou não é tudo que é ruim que vem de lá!
    A família infelizmente quer empurrar tudo pra escola!

    Bjus.

Postar um comentário

Quando você comenta, também participa do Mamães em Rede! Comente, participe, pergunte. Obrigada!

 

©Copyright 2012 - Todos os Direitos Reservados - Mamães em Rede | Design By Arte Design